VALE A PENA TER UM SÓCIO NA EMPRESA?

É vantajoso ter um sócio na empresa? Descubra qual é o momento ideal para considerar essa possibilidade e quais cuidados necessários para essa relação dar certo.

Ter ou não ter um sócio na empresa? Será que vale a pena?

O primeiro ponto é entender o que se busca com essa sociedade, mas pensar em ter sócio é muito interessante.

Antigamente para ter uma sociedade LTDA, obrigatoriamente, era preciso ter dois sócios.

Na maioria das vezes, um era sócio ativo e outro era simplesmente um sócio figurante, que não representava nada.

Essa pessoa não tinha nenhuma influência administrativa na empresa, não tinha pró-labore ou qualquer outro tipo de vínculo. Mas, tinha que compor o quadro societário, caso contrário senão não haveria a possibilidade de ser LTDA.

imagem que represente pessoas conversando felizes
Uma sociedade acontece quando uma ou mais pessoas se juntam com o mesmo propósito

Existe também a possibilidade da Eireli, mas ela tem a questão do capital social e temos a figura da Sociedade Unipessoal Limitada, que é composta por uma única pessoa.

Ter ou não ter sócio?

Isso é importante ou não é importante?

Existe a necessidade de ter um sócio?

Quando estamos buscando um sócio e ao pensar na figura de outro que venha agregar.

Pode ser uma Pessoa Física ou Jurídica, o mais comum é que seja uma Pessoa Física , que tenha como contribuir de alguma maneira para que a empresa alcance mais rápido seus objetivos.

imagem que represente parceria entre sócios
Uma sociedade é composta por pessoas que vão unir forças visando um propósito único

Ao pensar em uma sociedade, a maioria das pessoas acaba se atentando somente à entrada, só pensa que o negócio vai dar certo.

É claro que é isso que todo mundo quer e almeja, mas temos que ter o pé no chão.

É importante pensar que o negócio pode não dar certo.

Se alguém entrar na sociedade apenas com a questão intelectual (tendo o outro sócio fornecido o aporte financeiro) como fica essa relação caso o negócio não dê certo?

Um sócio está perdendo o dinheiro do outro sócio?

É importante pensar nisso!

Acordo entre os sócios

Ao pensar em sociedade é muito importante ter um acordo prévio entre os sócios, um contrato assinado entre as partes.

É muito legal que tenha um advogado desenhando isso.

Você deve considerar que o negócio pode não dar certo, que ele pode não continuar ou que algum dos sócios vai sair ou por algum motivo e mesmo se houver um desentendimento muito grande, os dois tem que conversar sobre isso.

Para ter uma sociedade saudável, o empresário tem que ter maturidade para isso.

Sabemos que ninguém gosta de falar sobre coisas ruins, mas é necessário falar sobre coisas ruins e pontuar tudo o que pode e não pode acontecer.

É importante se precaver em relação às coisas.

Um casamento, por exemplo, quando acaba de forma muito trágica e vai para um divórcio litigioso, abre uma disputa sem fim. Se dois sócios se separarem e forem para a questão judicial, com certeza isso vai trazer problemas.

imagem que represente divergência de opinião
Numa separação, por mais simples que seja, os dois lados saem perdendo

Então as pessoas da sociedade, os sócios, têm que ter maturidade para tratar sobre todos os assuntos.

Amigos amigos, negócios à parte.

Quando você entra numa sociedade tudo é lindo, tudo são flores e o futuro parece muito promissor, mas é preciso se resguardar caso haja a necessidade de sair.

O papel de cada sócio

Se pensar em ter um sócio, primeiro deve saber se ele de verdade tem algo a contribuir para a empresa, deixar muito bem pré-determinado o papel e a responsabilidade de cada sócio.

Na Tactus Contabilidade Digital temos 5 sócios, 4 que ficam na matriz em SP e um que fica em BH.

Dentro desse quadro societário cada um tem a sua responsabilidade, entregando aquilo que de fato é de sua competência e responsabilidade.

imagem que represente união entre os sócios
Todos os sócios se reportam diretamente entre os outros sócios

Os 5 têm um pensamento em comum, entendem que a Tactus Contabilidade Digital  é muito maior que a Pessoa Física de cada um.

Pensar em ter um sócio é muito importante e ele pode ser totalmente estratégico para o seu negócio.

Só que tem que entender todos os prós e contras em relação em ter um sócio.

Analise os benefícios e o que pode ser ruim, esses pontos negativos – se forem muito bem desenhados – vão trazer tranquilidade caso venha a acontecer algo posteriormente. 

Gostou do artigo? Confira outros artigos do nosso blog também!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *