Abertura de empresa gratuita vale a pena?

Será que vale a pena contratar um serviço gratuito para fazer a abertura da sua empresa? Essa é uma questão que precisa ser avaliada com muito cuidado, levando alguns fatores em consideração. E é sobre isso que falaremos a seguir.

É preciso avaliar se o barato não sairá caro

A primeira coisa que é necessário considerar é que não existe, de fato, a gratuidade. Na verdade, o que existe é uma troca. Por exemplo, talvez o serviço gratuito é concedido, mas desde que você faça toda a execução desse serviço. Apenas serão preenchidos determinados formulários, mas será você quem terá que ir ao órgão, pegar fila, etc.

Isso significa que, muito provavelmente, você vai perder mais tempo para fazer um processo de abertura do que naturalmente levaria caso contratasse alguém para fazer esse serviço. Por isso, deve ser avaliado o tempo que será preciso gastar para fazer todo o processo.

Por exemplo, quando você decide comprar todo o material para fazer um móvel para a sua casa, irá gastar seu tempo para montar esse móvel. Além disso, talvez esse móvel não ficará igual a um feito por um profissional. Ou seja, além da questão do tempo gasto, poderia sair muito mais caro do que se fosse comprado um móvel pronto.

Poe esse motivo, se você olhar só para a parte monetária, talvez as coisas não sejam bem do jeito que se espera.

 

Contrato de permanência com a empresa contábil

Outro aspecto que também deve ser considerado é que, muitas vezes, ao aceitar um  produto gratuito, na verdade estará sendo assinando um contrato de permanência com aquela empresa contábil.

Por exemplo: você assina um contrato de 12 meses, sendo então obrigado a ficar esse tempo com a empresa, independentemente se gostar do serviço ou não. Por essa razão, é preciso ter em mente que as coisas não saem de graça, sempre haverá uma troca nas relações comerciais.

Um outro exemplo é obter um celular “gratuitamente” de uma operadora. Qual será a relação de troca ao adquirir esse celular? Consiste no propósito de o cliente assumir o compromisso de permanecer um período de tempo com a operadora. E, baseado no histórico de pagamento mensal, a operadora determinará o que ela pode oferecer. Se o cancelamento com a operadora ocorrer, será preciso pagar o restante do valor do celular, além de uma multa.

Com esse exemplo, é fácil perceber que não existe realmente uma gratuidade nesse aspecto. Se algo grátis é oferecido, sem cobrar nada por isso, tudo bem. Porém, quando existem condições para ter acesso a determinado serviço, não exite de fato uma gratuidade.

Por essas razões, é preciso avaliar todos os pontos principais antes de tomar uma decisão. Quando fizer a pesquisa sobre a abertura gratuita da sua empresa, você provavelmente vai chegar a algumas empresas que estão oferecendo isso, o que torna importante que você enxergue muito além do que está sendo falado naquela oferta de serviço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *