Empresários Digitais- Abertura de Empresa no Simples Nacional

Neste artigo, será esclarecido a respeito do momento em que o microempresário deverá abrir um Simples Nacional. Além disso, entenda como deve ser feita a contabilidade e os cuidados necessários para não resultar em problemas futuros.

 

Quando abrir um Simples Nacional e quais os cuidados que o microempresário precisa ter?

A resposta sobre qual o momento para abrir o Simples Nacional não deixa dúvidas.  O empresário abrirá um Simples Nacional no momento em que deixou de ser MEI, ou seja, a partir do faturamento de R$5.000,00 por mês.

Em relação aos cuidados que o microempresário deve tomar nesse caso, está a necessidade de ter um contador, que irá oferecer a assessoria nas atividades que devem ser entregues mensalmente. Dessa forma, poderão ser feitos os seus impostos e a sua contabilidade.

É obrigatório que seja feita a contabilização do Simples Nacional. Mas o que isso quer dizer? Isso significa que o empresário vai pegar todas as suas receitas, que realizará a tributação desse valor. Em seguida, todas as despesas serão abatidas desse valor e o lucro obtido será um lucro isento, desde que você pague seu imposto corretamente.

Quem fará esse trabalho para você será um empresário contábil, um profissional de contabilidade ou um escritório de contabilidade. Ou seja, alguém que esteja habilitado para isso. Dessa forma, você não terá problemas.

 

Não pode deixar de pagar seu imposto

Inicialmente, o imposto será de 6%. Porém, ele pode ser maior. A alíquota pode chegar até a 17%, no caso dos afiliados. Porém, essa alíquota só vai chegar a esse valor se o valor faturado for muito elevado.

Em geral, quem chega a esse valor não é mais afiliado, mas sim produtor, já que é difícil um afiliado chegar a obter um valor tão alto assim (apesar de haver na Tactus clientes com um alto rendimento). Mas, na maioria dos casos, o rendimento médio que temos observado nos nossos clientes que são afiliados está em torno de R$30.000,00 mensais.

Abrindo a sua empresa como uma microempresa do Simples Nacional, você terá então condições de manter a regularidade dos seus rendimentos. Não haverá nenhum problema nessa questão, desde que a contabilidade seja feita de forma correta e o imposto devido seja pago.

Essa é uma contabilidade bem simples. Basicamente, o microempresário emitirá as notas fiscais das suas comissões, enviará a documentação para a contabilidade e pronto. Caso esteja sendo assessorado pela Tactus, basta nos enviar a documentação e então orientaremos de maneira clara, sem nenhum tipo de problema ou complicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *