Como desatar os nós das organizações?

Como desatar os nós das organizações?

Livro do consultor Frederico Martinelli traz princípios de eficiência para jovens gestores

            Nos três “P´s” que compõem qualquer organização: pessoas, processos e produtos, naturalmente têm nós. Tais disfunções quando não detectadas e tratadas se acumulam e geram perturbações nos processos e problemas na organização. Para desatá-los é necessário que o gestor adote e mantenha uma postura permanente de alerta.

De fato, é isso o que acontece na rotina das pessoas e das organizações, problemas com subproblemas, seja no âmbito pessoal ou profissional.

Vivendo há décadas este cenário nas organizações empresariais, foi que Frederico Martinelli usou todo seu conhecimento para escrever o livro Desatando Nós – Princípios de eficiência para jovens gestores.

 “Nossos nós pessoais são por extensão
os nossos nós organizacionais.” (Pág. 14)

Por meio de suas observações e experiências profissionais que já somam 35 anos, o autor apresenta princípios de como um líder ser eficiente, como produzir e dirigir reuniões proveitosas, eliminar os ruídos da comunicação e tomar decisões embasadas.

“Tempo é dinheiro. Prefiro dizer que tempo não é só dinheiro. Tempo é vida. Dinheiro ganhamos e trocamos. Vida nascemos com tempo determinado. Portanto, tempo é o nosso recurso mais precioso. Não é um recurso de prateleira”. (pg. 52)

A publicação mostra de forma prática também como gerenciar as tarefas do seu dia, dividindo-as em classificações: tarefas Neutras (N); Importantes (I) e Urgentes (U) e que para formar esta divisão não é necessário muito tempo, aos poucos se torna uma ação automática, mental e que fará muita diferença na rotina dos profissionais.

Este guia é dividido em duas partes. Na primeira, ele trata de temas ligados às pessoas e seus comportamentos, assuntos que não podem passar despercebidos para um jovem gestor: o planejamento do dia; priorizações de tarefas, as várias linguagens, os ruídos de comunicação, a importância da criatividade, a absorção pela empresa das lições aprendidas, gestão do tempo, a comunicação honesta e muitos outros tópicos interessantes.

“Quando um indivíduo despreparado abre uma discussão, ele sabe que implicitamente ficará exposto. Neste momento é natural que um complexo mecanismo psicológico de defesa entre alerta e se inicie. É quando o ego vai falar mais alto que a questão de interesse em si”. (Pág.42)

Já na segunda parte do livro, o foco é todo destinado ao “timing”, levando o leitor para uma análise sobre sua estruturação e formação: a escolha, objetivação, delegação, condução do grupo, equipes e times. Também aborda a importância dos pontos cegos causadores dos nós e, consequentemente, dos desvirtuamentos de metas, dos riscos não previsíveis e segue evoluindo o pensamento, até a gestão de contratos. 

 Os parágrafos são numerados para que o leitor permita-se organizar nestas ideias e linkar um insight ao outro. Há uma coluna para anotações das reflexões em cada página do livro.

“Este livro tem a pretensão de ser um trabalho, antes de qualquer coisa, útil ao leitor. Por isso, apresenta uma rápida forma de montar um autodiagnóstico da sua organização, para você”. (contra capa)

Esta obra é considerada um verdadeiro manual para o desenvolvimento das carreiras de todos os jovens deste país. Uma excelente leitura para os que desejam atrelar conhecimento à eficiência.

Todos os direitos autorais são doados ao GRAAC (Grupo de Apoio ao Adolescente e a Criança com Câncer) numa síntese objetiva e muito direta, composta por 144 páginas.

Sobre o autor:
Frederico Martinelli é engenheiro, administrador de empresas e pós-graduado como Mestre em Engenharia. Em 2014 publicou seu livro Desatando nós.

Ficha técnica:
Preço: R$ 34,00
ISBN: 788585908300
Formato: 14x21cm
Páginas: 144 páginas
Editora: LCTE Editora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *