Uma nova chance para profissionais

Uma nova chance para profissionais

Escrito por Renato Carbonari Ibelli

O Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) desenvolveu estudos sobre o impacto da inclusão de todas as atividades profissionais no Simples Nacional e da extinção da substituição tributária para a micro e pequena empresa. A conclusão aponta para uma tendência de aumento na arrecadação e, conseqüentemente, a geração de mais empregos, abertura de novas empresas, aumento de contribuições à previdência e aumento do PIB.

De acordo com o diretor de Inteligência do IBPT, Othon de Andrade Filho, as alterações trazidas pelo PLP 221 seriam um grande avanço para o País. “Não é justo a exclusão destes profissionais que recebem tratamento desigual, pagam mais impostos ou acabam atuando na informalidade”, diz.

O pesquisador do IBPT, Cosmo Rogério Oliveira, um dos responsáveis pelos estudos, ressalta a necessidade de promover oportunidades de crescimento aos profissionais como advogados, médicos, engenheiros, programadores, profissionais que ingressam no mercado por meio de pequenos negócios, hoje impedidos de entrarem no Simples Nacional.

Fonte: Diário do Comércio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *