Brasil será competitivo em ‘tablets’, diz Mantega

Ministro da Fazenda acredita que a redução tributária, propiciada pela MP nº 534, pode chegar a 31% do custo original de produção.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou nesta segunda-feira que a diminuição dos encargos tributários incidentes sobre os 'tablets' – computadores portáteis com tela sensível ao toque – colocará o país entre os mais atrativos para a fabricação do produto. “A partir das desonerações, o custo de produção de uma tablet no Brasil se equiparará ao de outros países. Desta maneira, incentivamos a vinda de empresas estrangeiras para cá”, acrescentou.

Ele destacou que a produção de 'tablets' no Brasil será incentivada por meio de redução dos impostos, capaz de chegar a 31% do custo original. A medida entrou em vigor nesta segunda-feira com a publicação no Diário Oficial da União da Medida Provisória (MP) N° 534 que insere o 'tablet PC' no Programa de Inclusão Digital. Para que os 31% de desoneração sejam atingidos, a MP reduz as alíquotas de IPI, PIS/Pasep e Cofins incidentes sobre a receita bruta de venda dos produtos no varejo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *